Como configurar DNS no Debian 9 Stretch

O DNS é responsável por fazer a resolução de nomes (Domain Name System). Ele permite que endereços com caracteres alfanuméricos sejam utilizados para acessar hosts, ou sites, na grande maioria das vezes. Sem o DNS, para acessar determinado site, teríamos que saber o endereço ip do servidor onde o site está hospedado. Vaso você não possa acessar nenhum site da internet (Ex: www.vlogdeti.com), mas obtenha resposta de um ping para 8.8.8.8 (ip do DNS do Google), provavelmente seu DNS não está configurado, ou está com problemas. Abaixo veremos como apontar os servidores DNS que serão utilizados para permitir navegação no Debian 9 (Stretch).

Abra o arquivo /etc/resolv.conf com seu editor de texto puro preferido. No meu caso, o VIM.

vim /etc/resolv.conf


Agora precisamos apontar um ou mais servidores DNS que serão utilizados para resolver os nomes dos sites que queremos acessar.
nameserver 192.168.0.10
nameserver 8.8.8.8
nameserver 8.8.4.4

Agora salve e feche o arquivos resolv.conf. Cada editor de texto tem um atalho diferente. No meu caso, usando o VIM, pressionamos e soltamos a tecla ESC, e depois pressionamos a tecla SHIFT uma vez, e a tecla Z duas vezes (Mantendo a tecla Shift pressionada (ESC / Shift + ZZ).

Agora tente acessar um site ou usar o comando “ping” para um servidor web, por exemplo, www.uol.com.br.

Caso o problema persista, você pode reinicializar a interface de rede com os comandos abaixo.

ifdown eth0
ifup eth0

Se você tiver instalado o pacote net-tools no Debian 9 Stretch, poderá usar os comandos abaixo.

ifconfig eth0 down
ifconfig eth0 up

Lembrando de substituir a referência eth0 para a referência da sua placa de rede, caso o sistema não tenha utilizado eth0. Por exemplo, o sistema pode reconhecer a interface de rede como “enp3s0”, ou utilizar outra nomenclatura.

Leave a Reply